Últimas notícias

not1413824615

ANTT realiza primeira fiscalização integrada com o Paraguai

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) finalizou, na semana passada, em Foz do Iguaçu (PR), a primeira operação de fiscalização integrada com o Paraguai realizada em território brasileiro. A ação teve início no dia 11/10, com o objetivo de padronizar procedimentos previstos no Manual de Fiscalização do Transporte Rodoviário Internacional de Cargas e de Passageiros.

Os comandos aconteceram na Ponte da Amizade (PIA), na aduana brasileira na Ponte Tancredo Neves (PTN), no posto Santa Teresinha da Polícia Rodoviária Federal (PRF), na BR -277, e na estação aduaneira interior (Elog). Durante a ação, foram fiscalizados ônibus em viagens internacionais e carretas.
Participaram da ação servidores da ANTT, da PRF e do Dirección Nacional de Transporte (Dinatran), organismo de fiscalização do Paraguai. “É importante destacar o caráter inovador dessa operação conjunta entre ANTT, PRF e Dinatran na fiscalização do transporte rodoviário internacional de carga e de passageiros. Nossa intenção foi alinhar entendimentos sobre o manual e realizar uma prática de campo integrada”, explicou Wilbert Ribeiro Junquilho, da Gerência de Fiscalização da ANTT.
Segundo dados preliminares da operação, foram autuados cerca de 15% dos veículos parados pelos agentes. A principal incidência das autuações referente ao transporte de cargas foi a ausência do seguro obrigatório de responsabilidade civil por danos a carga e danos a terceiros. Um grande número de empresas não portava esse seguro no padrão estabelecido para o Mercosul. Foi constatado, também, que muitos documentos de porte obrigatório estavam incompletos ou não preenchidos corretamente.
Manual – Este documento tem a função de auxiliar entidades e órgãos competentes da Administração Pública a desenvolverem habilidades e adquirirem competência para exercer a fiscalização dos transportes rodoviários internacionais de carga e de passageiros, com segurança e eficiência, de acordo com normas legais e procedimentos regimentais. Nesse sentido, são abordados conceitos pertinentes à área; documentos exigidos aos transportadores; segurança durante as abordagens; regras de identificação de bagagem e limites de peso, dentre outros.
As ações de fiscalização da ANTT são constantes e têm sido intensificadas desde março de 2014, com a edição de novas regras de combate, sobretudo, ao transportador pirata. Todas as operações possuem uma interface educativa, com a realização de orientação aos usuários durante as abordagens realizadas pelos fiscais da Agência.

Fonte: ANTT

Leia mais
PATENTE-MERCOSUR2

Mercosul terá placa unificada em 2016

Nessa quarta-feira (08) foi apresentado em Buenos Aires, na Argentina, o modelo para as novas placas de identificação de veículos do Mercosul. A nova placa passará a ser obrigatória em 2016 para veículos de transporte de mercadoria e de passageiros. Automóveis de passeio deverão ter a inédita identificação só a partir de 2018.

O modelo mostrado hoje na capital portenha terá, além da bandeira do país de origem do veículo no lado esquerdo, o símbolo do Mercosul também na parte superior. A identificação contará com sete caracteres, sendo duas letras, três números e novamente outras duas letras. As combinações possíveis para esse padrão são de 450 milhões, número mais que suficiente para décadas de uso. Atualmente, a frota circulante no bloco comercial é de cerca de 110 milhões de carros.

Com a unificação de placas com os demais países do Mercosul (Venezuela, Argentina, Paraguai e Uruguai), o controle sobre a travessia de fronteiras com veículos deve ser maior e mais eficiente. Um novo sistema de compartilhamento de dados com informações como o nome do proprietário do veículo, número da placa, marca, modelo, tipo de carroceria, número de chassi, ano de fabricação e histórico de roubo e furto também será colocado em funcionamento junto com as novas placas.

Fonte: http://www.estadao.com.br/jornal-do-carro/noticias/servicos,mercosul-tera-placa-unificada-em-2016,21345,0.htm

 

Leia mais

Sobre nós

Conheça a Astran transportes e a Astran Socioambiental

A Astran além de realizar operações de transporte, também auxilia o embarcador em estratégias que possam aprimorar os níveis de serviços com custos adequados. A Astran Socioambiental tem como objetivo contribuir para o desenvolvimento da comunidade de São Bento do Sul

Saiba mais

Receba nossas novidades

Cadastre seu e-mail! É gratuito